quarta-feira, junho 23, 2010

Motivação é o primeiro passo

Trilha Sonora: My Brother (O Rappa)


Estava lendo os posts anteriores deste blog. É impressionante como desde o início em 2006 segui com o mesmo papo. Projeto Cala a Boca pra cá, Projeto Cala a Boca pra lá. Academia na próxima segunda-feira, desculpas esfarrapadas já na terça. Mudanças de hábitos e afins que nunca saíram do papel.

Outro dia estava conversando via msn com a minha amiga Silvinha e falávamos sobre atividades físicas. Em fevereiro deste ano, ela sofreu um acidente de moto e teve fraturas nas pernas, o que a deixou de molho por alguns meses. Conversamos sobre como só valorizamos à determinadas coisas na vida, quando estamos impossibilitadas de pôr em ação.

"Agora que estou nessa situação tenho vontade de fazer tudo", conversávamos sobre praticar canoa havaiana, corrida e surf. Sobra vontade, mas haja fôlego!! "Tenho que voltar a fazer alguma atividade. Apesar que você já me conhece há um tempo e o papo sempre é o mesmo", assumo na maior cara de pau. Eu era uma esportista... em 1995.

Preciso de incentivo para voltar a treinar. Será que existe alguma entidade daquelas tipo A. A. para ex- atletas? Acho que vou criar um S. A. (Sedentários Anônimos).

Mas ainda bem que tenho alguém animada para me dar forças e breve tentar entrar no rip de uma vez por todas. "Quando eu melhorar, vou te arrastar.Voltarei no grau e vou te cobrar", disse a Silvia, já me apavorando.

Mas o que falta para mim não é incentivo, mas sim vergonha na cara. Se um dia eu quis fazer biatlo, hoje eu faço levantamento de copos. Quando comecei a surfar, a desculpa era que não tinha prancha. Depois que comprei a primeira, a lorota mudou para como vou carregar?

A verdade é que vivo me sabotando. "Falava que não tinha grana para a academia. Arrumei uma academia quase de graça e fui uma semana. Achava muito longe, mesmo indo de moto". A Sil cascou o bico e prometeu uma transfusão de ânimo. "Vou transportar um pouco do meu gás que estou guardando pra tu. Vamos até subir o morro correndo. Prometi a mim mesma que não deixarei mais a preguiça me pegar".

A nossa cabeça é o que nos comanda. Muitas vezes tenho vontade de sair correndo mundo afora, mas o comodismo é o que fala mais alto. O intuito não é a busca de um corpo perfeito. Sim, de uma boa qualidade de vida e saúde.

Vamos reagir!!!!!

Ficou mais uma promessa a ser cumprida e fomos dormir porque já era tarde. Fica aqui o desafio registrado.

PS: Este post é dedicado à minha brother Silvia que esbanja simpatia e determinação.

Nenhum comentário: